O que a bíblia diz sobre bruxas, bruxaria e o oculto? Como as práticas da Nova Era tais como a meditação e a ioga tentam se encaixar no Cristianismo? E a ioga centrada no Cristianismo?


Coração Sacred de Jesus;decoração;vá a Página Anterior.
Coração Sacred de Jesus;decoração;vá a Próxima Página.

Cruz de Jesus Cristo decoração;Bruxaria e outros Opositores ao Plano de Deus para Sua Salvação Através de Jesus Cristo.Bruxas, Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos, O oculto,O Misticismo(Esoterismo) da Nova Era,A ioga.

3 - Opositores da Simplicidade Da salvação

Cruz de Jesus Cristo decoração;Bruxaria e outros Opositores ao Plano de Deus para Sua Salvação Através de Jesus Cristo.Bruxas, Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos,O oculto,O Misticismo(Esoterismo) da Nova Era,A ioga.

O que a bíblia diz sobre as experiências místicas e o misticismo da Nova Era no Cristianismo, Satanás, o diabo, demônios, magia, feitiçaria, bruxas, bruxaria e o oculto? Como as práticas da Nova Era tais como a meditação e a ioga tentam se encaixar no Cristianismo? O que dizer sobre a ioga centrada no Cristianismo e o plano de Deus para a salvação?

Divisor da página para a página sobre Deus Jesus Cristo,Bruxas,Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos,Oculto,Misticismo da Nova Era,A Ioga.
Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Experiências Místicas Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

O Deus do Universo nos apareceu objetivamente na plenitude do tempo na encarnação do homem Jesus o Cristo e revelou para nós Sua natureza divina. Ele clara e simplesmente nos falou sobre seu plano de salvação o qual envolve crer e confiar que Jesus era Deus encarnado. "Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus" (João 3:36).

”A analogia já foi esboçada anteriormente sobre um formigueiro com um trator à frente do caminho. Se você quiser prevenir as formigas do perigo, a melhor maneira de fazê-lo, como observador humano, seria, caso você fosse capaz, tornar-se uma formiga e avisá-las do perigo iminente. Da mesma forma Deus se encarnou em um homem, não apenas para nos avisar do perigo de uma eternidade sem Ele, mas também para nos revelar a Si mesmo e nos oferecer a oportunidade de uma eternidade em Sua companhia”.

Podemos não aprovar este plano de salvação com esta ênfase na fé e na crença em Jesus Deus o homem, mas ele é o plano do Mestre do Projeto e o único plano que conduz à vida eterna. É um plano sob medida feito por Deus para a humanidade.

Os seres humanos, entretanto, não necessariamente aceitam este plano de salvação divinamente projetado. Eles preferem criar seus próprios sistemas de salvação. Estes sistemas são criações do homem e não de Deus. C.S. Lewis nos escreve: "Você é um feixe egoísta de medos, esperanças, avarezas, ciúmes e vaidades, tudo condenado à morte" ( Mere Christianity , "Let’s Pretend" - “Vamos Fingir”). Timóteo nos adverte que nos últimos dias, "os homens serão egoístas, avarentos, jactanciosos, arrogantes, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, irreverentes, desafeiçoados, implacáveis, caluniadores, sem domínio de si, cruéis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, enfatuados, mais amigos dos prazeres que amigos de Deus; tendo forma de piedade, negando-lhe, entretanto, o poder" (2 Timóteo 3:2-5). No Cristianismo considera-se o eu como abatido e carente da redenção.

Vale ressaltar que é fora do Eu que as experiências místicas se desenvolvem. Freidrich Nietzche, um ateu orgulhoso que glorificava o homem, dizia, "Vocês não se amam o suficiente" (Freidrich Nietzche, Thus Spake Zarathustra, p.75 – Assim falou Zaratustra). A partir de uma perspectiva egocêntrica de mundo veio o conceito de "super-homem", um homem sem as restrições dos nobres princípios de Deus, um homem insensível e alheio aos princípios morais, um homem que inspirou os Nazistas a exterminarem milhões de pessoas como se fossem criaturas indesejáveis.

As doutrinas da Nova Era estão centradas na experiência de vários "estados de consciência". A Nova Era, influenciada pelo Hinduísmo e que chamam de Zen, ensina que todos nós somos deuses. Nós apenas nos esquecemos de que o somos. Ela ensina que alcançando nosso interior, através da meditação e da ioga, somos capazes de compreender e tocar nossa natureza divina. O Deus da Nova Era é uma força impessoal que envolve tudo. Neste sentido Deus e a criação são um. Para entrar em sintonia com esta Força Divina, explica a Nova Era, tudo o que devemos fazer é conectá-la, exatamente como uma tomada é ligada à energia elétrica. Conectar-se envolve "concentrarmo-nos" em nós mesmos. Obtemos a resposta em nosso interior. Quando nossa consciência se expande, alcançamos a Natureza Divina. Deus é uma experiência subjetiva.

O Cristianismo nos ensina que o Criador do Universo é uma personalidade infinitamente inteligente, amorosa e acessível. Este Criador está do lado de fora e separado de sua criação.

Estabelecer um relacionamento com Deus é uma operação objetiva. Ao aceitarmos e crermos em Jesus Cristo como o Filho de Deus, estabelecemos um relacionamento com o Deus do Universo baseado numa aliança, uma espécie de contrato. Ele vem para habitar em nós na pessoa do Espírito Santo e nos dá a vida eterna (João 15:26, João 16:7). No Cristianismo nosso relacionamento com Deus é um acontecimento objetivo, não baseado no humor ou em sentimentos.

Steve Kumar em seu livro Christianity for Skepticss (Cristianismo para os Céticos) afirma, "A pressuposição fundamental que apóia a posição de que a realidade apenas pode ser experimentada é a noção de que a experiência comprova a realidade. Mas a experiência subjetiva prova o que cremos? Quando refletimos sobre a experiência é bom lembrar as observações do filósofo Bertrand Russell que disse, ‘Não podemos fazer distinção alguma entre o homem que come pouco e vê o paraíso e o homem que bebe muito e vê cobras.’ As pessoas que procuram provar suas crenças metafísicas sobre a base da experiência pensam que a metafísica e a experiência são sinônimas. O que eles fracassam em ver é que a experiência é algo que alguém teme e a metafísica é a interpretação desta experiência. Devemos nos lembrar de que as experiências são capazes de muitas interpretações."

"Começando pela prática, simplesmente não temos formas de verificar a experiência, pela simples razão de que, além de subjetiva, ela é um terreno pouco sólido para se construir o alicerce de nossa esperança eterna. O subjetivismo não pode ser a base para a verdade." O comentário impactante de Carl Jung merece atenção, ‘Definitivamente não podemos determinar de forma precisa se uma pessoa está iluminada ou se ela simplesmente o imagina, não temos critérios para isto’(Suzuki, Introduction to Zen Buddhism, - Introdução ao Zen Budismo p.15). Como podemos estar seguros de que esta pessoa está experimentando Deus ou ao diabo, o Espírito Santo ou um espírito maligno?"

Steve Kumar nos adverte que não devemos ignorar o perigo das experiências místicas. Ele cita a experiência de um mestre da ioga e guru que veio a entender os perigos dos poderes das trevas nas experiências místicas:

"Eu avancei na esfera mística tão rapidamente que logo me tornei o mais jovem guru de todo o Hemisfério Oriental e um dos mais poderosos e avançados. Duas vezes por semana eu ensinava ioga na televisão. A Hatha Ioga soa como um simples conjunto de exercícios; todos pensam que é apenas uma ginástica. Quero advertir que isto é só o começo de uma armadilha diabólica. Depois de me tornar um instrutor em Hatha-Ioga, meu guru mostrou-me que a única coisa que os exercícios fazem é abrir seu apetite para o oculto. Eles são como a maconha; eles o conduzem a uma droga que é ainda pior e mais forte, amarrando-o tão completamente que apenas Cristo pode libertá-lo. Muitas pessoas acham que o poder oculto é simplesmente o poder da mente. Isto não é verdade. Há um ponto além desse poder onde a mente termina e a partir dali o poder demoníaco assume o controle" (Citado em Colin Weightman and Robert W. McCarthy , A Mirage from the East –Uma Miragem do Oriente (Adelaide, Australia: Lutheran Publishing House, 1977, p.8).

O autor desse website esteve realmente praticando a meditação e a ioga por seis anos. Por causa do poder que inicialmente experimentou, ele foi convencido de que tinha encontrado a resposta para sua busca espiritual. Ele sentiu que o homem podia de fato tornar-se deus e elevar-se por seu próprio esforço, que todos somos deuses e que apenas precisamos explorar nosso interior deixando aflorar algo divino que já possuímos. Entretanto, a meditação e a ioga resultaram em algo comparado ao vício. Tentar desistir no segundo ano revelou ser algo impossível e resultou em severos sintomas tais como tremores, suor frio e tensão. Incapaz de funcionar sem a sua “seringa” de meditação, ele se comprometeu totalmente com o caminho do misticismo oriental. O resultado final de seis anos de meditação e ioga, incluindo cursos intensivos, foi total desilusão. Ele terminou em um lugar frio, estéril e escuro. Nenhuma das promessas de harmonia e felicidade eterna em nossa realidade se materializou. Apenas ao aceitar Cristo como seu Salvador pessoal, ele foi capaz de encontrar o amor verdadeiro, a paz e a vida. O caminho pelo qual tinha passado definitivamente não o havia levado à vida, mas a uma espécie de asfixia. Como Paulo disse, "E não é de admirar, porque o próprio Satanás se transforma em anjo de luz" (2Corinthians 11:14).

Kumar cita o teólogo de Princeton B.B. Warfield, "Aquele que começa buscando a Deus dentro de si mesmo pode terminar confundindo-se a si mesmo com Deus" (B.B. Warfield, Biblical and Theological Studies –Estudos Bíblicos e Teológicos (Philadelphia: Presbyterian & Reformed, 1952), p. 455.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

O Misticismo da Nova Era no Cristianismo? Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Cruz de Jesus Cristo,decoração para uma seção a respeito de Bruxas,Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos,O oculto,O Misticismo da Nova Era,A ioga. Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre. Não se deixem levar por toda espécie de ensinos estranhos e diversos.
(Hebreus 13:8-9)
Cruz de Jesus Cristo,decoração para uma seção a respeito de Bruxas,Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos,O oculto,O Misticismo da Nova Era,A ioga.

Critica-se que em virtude do Misticismo da Nova Era tem se dado uma ênfase muito grande dentro da Igreja Cristã à experiência espiritual pessoal. Em algumas igrejas chega a tal ponto que se atribui muito maior importância às "revelações e profecias individuais do que à Palavra de Deus, a Bíblia. A situação chega a tal extremo que o foco da adoração, seja nos estudos ou nas canções, é transferido de Deus para o homem. Como resultado temos um Cristianismo enfraquecido, contaminado e acomodado. Em vez de adorar a Deus, passamos semana após semana aprendendo a "como" alcançar melhor a felicidade, o sucesso, fazer a escolha da carreira correta ou encontrar o parceiro ideal. Certamente a Bíblia é citada, mas a ênfase está muito mais no homem do que em Deus. Deus é apenas um "aditivo" muito mais como um molho é para a salada ou o sal para um prato de espaguete. Deus se torna um instrumento para o sucesso pessoal. Os estudos Bíblicos semanais não são gastos em analisar e digerir a Palavra de Deus, mas em dar outras palavras dúbias de "edificação e profecia". A majestade de Deus é substituída por um exercício de xamanisno "Cristão".

Deslocar a adoração de Deus, que é o único digno de adoração, para experiências "espirituais" subjetivas é um engano muito grande. Neste movimento espiritual, nós temos dezenas de milhares de pessoas dando semanalmente "profecias" a seus irmãos supostamente sob a "liderança" do Espírito Santo. Contudo, que porcentagem dessas profecias revelou ser correta e das que se mostraram realmente precisas quantas foram verdadeiramente inspiradas por Deus? Que porcentagem de pessoas orou por aqueles que foram curados e dos que o foram quantos efetivamente receberam a cura pelo poder de Deus?

Deus não pode ser colocado em uma caixa. Ele não é limitado. Se Deus decidiu se encarnar como homem para revelar-se a nós fora de seu tempo, que assim seja. E Ele é mais do que capaz de nos dar profecias precisas ou curar os enfermos, como está provado através de toda a Bíblia. Jesus disse que o Espírito Santo nos revelará o futuro (João 16:13). Jesus disse, "Crede-me que estou no Pai, e o Pai, em mim; crede ao menos por causa das mesmas obras. Em verdade, em verdade vos digo que aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço e outras maiores fará, porque eu vou para junto do Pai" (João 14:11-12). Estas obras sem dúvida incluem a cura, uma vez que a cura foi aproximadamente um terço do ministério de Jesus.

O Apóstolo Paulo expõe sobre a variedade de dons do Espírito Santo: "Porque a um é dada, mediante o Espírito, a palavra da sabedoria; e a outro, segundo o mesmo Espírito, a palavra do conhecimento; a outro no mesmo Espírito, a fé; e a outro, no mesmo Espírito, dons de curar; a outro, operações de milagres; a outro, profecia; a outro, discernimento de espíritos; a um, variedade de línguas; e a outro, capacidade para interpretá-las. Mas um só e o mesmo Espírito realiza todas estas coisas, distribuindo-as, como Lhe apraz, a cada um, individualmente" (1 Coríntios 12:8-11).

Certamente Deus através do Espírito Santo trabalha de forma sobrenatural na Igreja. Por outro lado o engano também está presente. Por que alguém haveria de receber o dom de discernir falsos espíritos dentro do corpo da Igreja?

Como reconhecemos a ação de espíritos enganosos dentro do corpo da Igreja? Jesus nos diz, "Não há árvore boa que dê mau fruto; nem tampouco árvore má que dê bom fruto. Porquanto cada árvore é reconhecida pelo seu próprio fruto. Porque não se colhem figos de espinheiros, nem dos abrolhos se vindimam uvas. O homem bom do bom tesouro tira o bem, e o mau do mau tesouro tira o mal; porque a boca fala do que está cheio o coração," (Lucas 6:43-45).

Ao olharmos os frutos da vida de uma pessoa podemos obter uma preciosa compreensão se seu dom de profecia é digno de crédito ou não. Se essa pessoa não é fiel a seu cônjuge, é contenciosa, briguenta, manipuladora, demonstra pouco amor pelos outros, ama o dinheiro, não tem caridade, é amarga, tem problemas familiares, age de uma forma na igreja e de outro em casa ou no trabalho, a credibilidade dessa pessoa como profeta deve ser seriamente questionada. Não importa quão nobres e sublimes as profecias dessa pessoa sejam, porque na verdade ela não vive uma vida santificada, seu ministério está construído na areia movediça e suas mensagens são débeis e inúteis.

Os falsos profetas também podem ser reconhecidos porque suas profecias são equivocadas e imprecisas. No tempo do Velho Testamento os falsos profetas eram apedrejados até a morte. Se eles fossem apedrejados em nossos dias haveria incontáveis montanhas de pedras espalhadas pela natureza e estariam incluídos os políticos, os curandeiros "milagrosos", e os autores de obras especulativas sobre as profecias Bíblicas.

Jesus nos encoraja a nos amarmos uns aos outros, nos indica os caminhos errados de nosso próximo e tudo perdoa. Somente quando persistem em seus comportamentos inaceitáveis é que somos levados a pedi-los que deixem a Igreja.

C.S. Lewis afirma que na teologia, um entendimento da Palavra de Deus, a Bíblia, é prática considerando que os sentimentos não nos levam a parte alguma. Ele narra que enquanto fazia uma conferência sobre teologia para membros da Força Aérea, um velho e amargo oficial levantou-se e disse: "Não vejo utilidade alguma nesta tolice. Mas, sabe de uma coisa? Eu também sou um homem religioso. Eu sei que há um Deus. Eu O sinto. Pude percebê-Lo no meio da noite em pleno deserto: o mistério tremendo. E esta é a razão pela qual não acredito em todas as suas pequenas doutrinas e fórmulas sobre Ele. Para todos aqueles que tiveram um encontro real com Deus tudo isso parece mesquinho, insignificante e artificial!" ( Mere Christianity , "Making and Begetting").

Lewis continua dizendo que ele acredita que aquele homem provavelmente teve uma experiência real com Deus no deserto e quando considerou as doutrinas Cristãs, ele se voltou de algo real para alguma coisa irreal. Entretanto, Lewis chama-nos a atenção, as doutrinas da teologia Cristã, são como um mapa. As experiências podem ser mais atrativas, "Mas o mapa é baseado na experiência de centenas de pessoas que realmente foram tocadas por Deus – essa experiências comparadas com emoções e sentimentos piedosos que você e eu podemos ter são muito elementares e bastante confusas".

"Em segundo lugar, se quiser ir além, você precisa usar o mapa. O que aconteceu com esse homem no deserto pode verdadeiramente ter sido real, e certamente foi algo emocionante, mas nada se sucedeu depois disso. Não leva a lugar algum. Não há coisa alguma a fazer sobre isso. Na verdade, é por isso que uma religião vaga – que se limita a sentir Deus na natureza e assim por diante – é tão atraente. Ela é só emoção e nenhum resultado positivo. É como assistir as ondas da praia. Você não chegará a porto algum estudando o Atlântico dessa maneira, ou seja, você não alcançará a vida eterna simplesmente sentindo a presença de Deus nas flores ou na música. Você não irá a qualquer lugar apenas olhando os mapas sem ir para o mar, nem estará bem seguro se for para o mar sem o mapa" (itálico do autor).

Em outras palavras, a teologia é prática. Sim, ela nos diz que Jesus Cristo foi um grande mestre sobre moral, mas Ele também é o Filho de Deus e o próprio Deus no corpo de um homem. Ao olharmos para Jesus, entendemos a natureza amorosa de Deus. Ao crermos e confiarmos Nele, temos a vida eterna. Não alcançaremos a vida eterna através da visualização, do pensamento positivo, da meditação, da ioga, rindo incontrolavelmente ou latindo na igreja, sendo curados por um guru, quer seja hindu ou Cristão carismático. É a teologia, um caminho reto e estreito, que nos conduz à redenção, salvação e libertação da escravidão do pecado e das imitações espirituais. O objetivo da teologia Cristã reduziu-se à incisiva simplicidade de crer e confiar em Jesus Cristo como Filho de Deus.

Prosseguirei a citar do meu livro Succeed With Solomon's Principles – Prosperar com os Princípios de Salomão - nesta linha de pensamento (Herring, Michael, Succeed With Solomon’s Principles , Winepress Publishers, Enumclaw, Washington, 1998, p.175-176):

"As crenças são extremamente poderosas, e esta crença em particular determina seu sucesso na eternidade. Ela tem tão grande efeito que removerá a incerteza e o medo da morte. Crer no Filho do Homem pode ser mais apropriadamente definido como ‘ter fé na existência de’. Através da fé você está se apoiando Nele e contando com Ele para guiá-lo e fazê-lo crescer".

"Novamente a questão é como você pode acreditar em um Poder Superior já que não consegue vê-lo. Atreva-se a alcançar este Poder Superior, deixe que Ele se manifeste em sua vida ou circunstâncias. Você verá uma mudança positiva. Ao tentar, você não terá coisa alguma a perder, mas perderá tudo se não alcançá-Lo. Você perderá a oportunidade de estabelecer um relacionamento de amor com o Mestre do Universo e limitará enormemente suas possibilidades de êxito, um êxito que não está apenas limitado ao dinheiro que recebe e o tipo de carro que dirige, mas um sucesso alcançado pelo cumprimento de seu propósito espiritual neste planeta".

"Suas prioridades se situarão e você não terá que continuar correndo ou se escondendo. Você receberá direção espiritual no que quiser fazer e a esperança será renovada dia após dia para concretizar o que deseja. Você se sentirá espiritualmente equilibrado e concentrado. Será capaz de distinguir o que vale a pena daquilo que é inútil. "

"Você não precisará mais de um guru exercendo senhorio sobre sua vida através de um jogo enganoso. Um guru sempre tem essa estratégia de jogada, 'Eu sei do que você precisa agora, mas antes que lhe diga, você precisa aprender minhas técnicas, passar por meus grupos de iniciação, aceitar meus pontos de vista e durante o processo dar-me um montante em dinheiro.’ Tenha sempre em mente que alguns gurus aparecem em trajes de negócios. Como mencionei anteriormente, não há necessidade de muita insistência para vender idéias e crenças".

"Você deve ter ouvido a história do homem oriental que vai para o Himalaia à procura de um guru sobre o qual havia ouvido falar a respeito. Ele faz o caminho através dos desertos, pântanos, florestas e acaba adoecendo de disenteria. Finalmente encontra o sábio sentado na posição de lótus em uma gruta e se curva diante dele. Depois de alguns dias o sábio se volta para ele e lhe pergunta, ‘Como posso ajudá-lo, meu filho?’"

'Eu vim para encontrar o significado de minha vida, mestre, ’ responde o homem. O guru movimenta os olhos como se estivesse consultando seu interior, ensaia um cântico e vagarosamente abre a boca. Ele fala tão baixo e suave que o homem precisa esticar o pescoço para escutá-lo.’"

"A vida é uma banana, meu filho".

"O homem não pôde acreditar no que ouviu. Ele explodiu, ‘Depois de todos os problemas pelos quais passei para encontrá-lo, o calor, a doença, os mosquitos, você tem a coragem de me dizer que a vida é uma banana?'"

"O guru despertou de seu semitranse e, de olhos bem abertos, disse:
‘Quer dizer que ela não é?’"

"Este é o jogo que os gurus, ‘mentores espirituais’, e as filosofias mundiais fazem. Você pode fazer perguntas, mas não engane aos outros e nem a si mesmo dizendo que tem as respostas quando não tem coisa alguma. Há muitas raposas à espreita lá fora que não estão senão procurando saquear sua mente e sua carteira. Elas criam seus ‘sistemas’ aproveitando-se daquele ambiente suave."

"O Filho do Homem não cobra coisa alguma por Seu sistema. Você não precisa fazer ioga, meditação, jejum, entoar cânticos, meditar ou fazer coisas do tipo baixar os batimentos cardíacos e a pressão sanguínea entrando num estado de ‘equilíbrio’ físico e mental. Seu sistema é basicamente, ‘Creia em mim e Eu transformarei seu ser. Eu o transformarei em uma nova pessoa e lhe darei esperança abundante.’"

"O Mestre do Universo estabelece este sistema e desse jeito ele funciona. Experimente. Ele é gratuito. O que você tem a perder exceto êxito eterno?" (nota: êxito foi definido anteriormente como o cumprimento do propósito de Deus para sua vida)."

"Ele foi humilde e manso. Não subiu em uma espaçosa limusine nem em um avião particular. Ele montou em um burrinho e teve uma morte brutal na cruz, preferindo isso a ter que negar que era o Filho de Deus. Será que seu guru morreria para lhe dar a vida?"

É o Poder Infinito que precisamos alcançar vindo do Poder do Alto, um Deus amoroso e pessoal, não uma "força impessoal".

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

A Sedução da Nova Era Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Se Jesus é o Filho de Deus, então qualquer filosofia ou credo que afirme algo que vá contra isso é um engano, uma imitação. A maioria dos ataques à fé Cristã se focaliza na Trindade. Eis alguns casos: 1) Jesus foi um bom homem, um grande mestre, um sábio, um avatar, um mestre iluminado, mas não Deus encarnado, 2) Sim. Jesus foi um filho de Deus, mas todos nós somos filhos de Deus, tudo o que temos que fazer é nos dar conta disso, visualizar, internalizar ou nos conectar com a força de Deus que está dentro de nós, 3) Deus não pode ter um filho, 4) Ao nos conduzir por uma vida tranqüila e seguir os preceitos de nossa igreja, como Jesus, nós herdaremos e governaremos nosso próprio mundo depois de deixarmos essa vida terrena, 5) Existem muitos deuses do outro lado além de Jesus e eles são todos manifestações positivas da força divina, 6) Jesus dominou o conhecimento oculto, da mesma maneira nós também podemos fazê-lo etc...etc...

As alterações e combinações para distorcer a Verdade são infindáveis e têm a tendência de reaparecerem ao longo da história da história. Elas variam entre seitas que são similares, elas aparentam ser Cristãs, mas negam a Trindade, as que são centradas no homem (tais como as ciências da mente), as que adoram entidades demoníacas sob a aparência de deuses (espiritismo, adoração dos poderes da natureza em um contexto ecológico, repetição de mantras a entidades espirituais, bruxaria). Não é necessário se tornar um expert nas muitas facetas do engano a menos, é claro, que alguém esteja tentando alcançar um membro de uma seita em particular com a Verdade. A forma utilizada não deve ser a de ficar extenuado amaldiçoando as trevas, mas acender a luz com a Verdade.

Como já foi documentado anteriormente Jesus foi Seu melhor advogado. Ele fez com que as pessoas de seus dias se enfurecessem porque dizia ser um com Deus e decidiu morrer de uma forma terrível na cruz em vez de negar o que afirmava. Jesus ainda enfurece aqueles que não crêem e não confiam Nele. Em vez de confrontar diretamente a afirmação de Jesus, muitos procuram afastar-se dela ou distorcê-la. Se Jesus não é um com Deus, mas sim "mais um na multidão", então seu sacrifício na cruz não foi um sacrifício "perfeito" já que haveria a mancha do pecado e conseqüentemente sua morte não teria expiado o pecado da raça humana. Além disso, se Jesus foi "mais um na multidão" certamente Ele não teria ressuscitado já que o pecado o manteria na sepultura.

Negar que Jesus era um com Deus ou afirmar que Ele era, mas nós também o somos é diminuir e destruir o inteiro propósito da encarnação do Filho de Deus. Deus é justo e fiel às suas regras. A rebelião de Adão e Eva trouxe o pecado e a morte à criação inteira. Ao encarnar-se como homem Deus mostrou sua misericórdia tomando o castigo do pecado e da morte. Nenhum homem sequer é um sacrifício aceitável pelo pecado. A ressurreição é a evidência mais poderosa para a fé em Jesus Cristo. Todos os maiores profetas do mundo estão em suas sepulturas, a carne deles já a muito tempo de decompôs. Apenas o Filho de Deus, um fato histórico, ressuscitou corporalmente.

Para sermos breves e não fazermos uma viagem prolongada através das religiões, seitas e cultos no mundo, examinemos os preceitos básicos da Nova Era que infelizmente incorpora o centro das crenças para onde a humanidade está se voltando. A palavra "infelizmente" é usada porque a Nova Era, em contraste com o monoteísmo, endeusa o homem, e como tal exibirá toda a falta de piedade do homem. Os Nazistas acreditavam que estavam construindo um Reich que governaria por mil anos. Eles acreditavam num homem superior, um super-homem, negando a existência de Deus. A Nova Era acredita nisto também. Essa perspectiva de mundo não dá lugar à compaixão. Ela apenas conduzirá a humanidade para dentro de um totalitarismo bestial, muito mais brutal em virtude dos sistemas de controle baseados na tecnologia.

Uma comparação entre as crenças da Nova Era e os preceitos do Cristianismo:

 

Nova Era

Cristianismo

Natureza de Deus:


Deus é uma força impessoal ou uma energia.


Deus é três pessoas em Uma.

Natureza do Mundo:

 

Tudo no universo é feito da mesma energia e está inter-relacionado, incluindo Deus.

 

Deus criou o universo e é diferente e separado de Sua Criação.

 

Metafísica:

 

Toda a realidade é um todo unificado. Todas as coisas são de uma essência divina.

 

Deus está fora do espaço e do tempo.

 

Verdade:

 

Está no interior. O conhecimento é relativo ao seu estado de consciência ou atenção e como tal está em um fluxo com seu processamento da "realidade."

 

A Verdade está revelada na Bíblia, 66 livros escritos em mais de 1500 anos por mais de 40 autores humanos de três continentes em três línguas, mas contendo um único Sistema Integrado de Mensagem com idéias, temas, conceitos e estruturas similares.

 

Realidade:

 

O mundo é um véu de ilusão. Você cria sua própria realidade.

 

O mundo é real e tem forma física absoluta. Há sérias penalidades ao negar suas realidade.

 

Ética:

 

Relativista. Faça o que sentir que é correto.

 

Absoluta. A Lei está em nossos corações. Somos criados com uma consciência, um compasso interior. Sabemos distinguir o certo do errado, e a Palavra de Deus, a Bíblia, nos guia.

 

Criação:

 

Evoluída, uma máquina impessoal que se desenvolve a partir de si mesma.

 

Formado pela Mão de Deus, ordenadamente com leis universais. Cheio de beleza e variedade, mas sujeito à entropia (deterioração) desde a Queda.

 

A Natureza do Homem:

 

Um ser espiritual adormecido com o potencial de ser um deus.

 

Feito à imagem de Deus, mas decaído.

 

Problema Humano:

 

Falha em desenvolver sua consciência e alcançar seu verdadeiro potencial.

 

O pecado original que corrompe a todos os humanos, sem importar quão justos.

 

Resposta ao Problema Humano:

 

Abrir seu inconsciente através da ioga, meditação, cânticos, danças, desenvolvendo os poderes da mente. Salvação baseada em obras no oculto e no sobrenatural.

 

Confiar em Jesus Cristo como Filho de Deus e Sua única encarnação. A salvação é um dom gratuito do Criador do Universo.

 

Morte:

Extinção temporária da vida que resultará na encarnação para resolver a questão do karma ou dos padrões de apego ao mundo físico. Uma vez que o Karma esteja resolvido a morte resulta em um estado Brama, o "extinguir" do eu no Nirvana.

Aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo (Hebreus 9:27). A entrada à vida eterna no céu (1Cor.13:12) ou inferno (Lucas 16:23).

Algo importante a se constatar quando comparamos a perspectiva do mundo de acordo com a Nova Era, e usando uma palavra mais atual, paradigma, é que a visão Cristã do mundo é baseada em realidade comprovada com evidência histórica (natureza de Deus, Sua personalidade, encarnação como Jesus, obras do Filho, as afirmações de Jesus, Sua ressurreição, a disposição dos apóstolos em morrerem como mártires, mudança de vida daqueles que aceitaram Jesus, natureza da Criação, leis da física, ciência da genética, etc...) enquanto a perspectiva do mundo da Nova Era está baseada em uma mentira, nos ensinando que podemos nos tornar deuses através de nossa própria iniciativa e apelando para nosso orgulho. O engano da Nova Era é o mesmo que a serpente disse a Eva no Jardim do Éden, que ela se tornaria como Deus ao comer do fruto. Em vez disso, ao desafiar Deus, ela e Adão foram amaldiçoados, expulsos do jardim e experimentaram a dor, a doença, o trabalho pesado e a morte. As conseqüências em não aceitar o dom gratuito de Deus - a salvação-, são trágicas e terríveis, podemos descrever como uma eternidade de sofrimento.

Sob a perspectiva da Nova Era, as conseqüências em negar suas crenças são mínimas, talvez uma encarnação ilusória em forma de rã, mas aqueles que negam a realidade Cristã sofrem conseqüências eternas. O inferno não é algo fabricado. Jesus, o Filho de Deus, se refere ao inferno mais do que ninguém. Ele descreve o inferno como um lugar para os não salvos, "onde NÃO LHES MORRE O VERME, NEM O FOGO SE APAGA" (Marcos 9:48). O inferno é um lugar tão horrível fora do contínuo espaço-tempo que o próprio Deus encarnou-se como homem de modo que ao crermos Nele pudéssemos ser poupados de uma eternidade naquele lugar. Ele não foi designado para o homem, mas para Lúcifer, seus anjos caídos e a própria morte.(Apocalipse 20:14).

O objetivo da Nova Era é a total dissolução de próprio eu ao nada que é o Brama, o fluído subjacente que envolve tudo. O Budismo ensina que um indivíduo atinge o Nirvana quando o ajuntamento de ânsias e desejos que constituem o "eu" se desvanecem e o "eu" deixa de ser. Somente então, de acordo com o Budismo, uma pessoa escapa do círculo de sofrimento resultando na encarnação.

O Cristianismo ensina que você vive apenas uma vez. Depois disso vem o juízo. Todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus (Romanos 3:23). Deus aborrece nosso pecado. O salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna através de Jesus Cristo (Romanos 6:23). Enquanto éramos pecadores, Cristo morreu por nós (Romanos 5:8). Através da morte de Cristo, Deus demonstrou Seu amor a nós (Romanos 5:8). Não importa quão carente de amor você se sente e quão horríveis sejam seus pecados, Deus ainda o ama.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

(Um Lugar Chamado Céu – A Recompensa da Salvação)Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Jesus lhe diz, "Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo" (Apocalipse 3:20). Ao crermos em Jesus Cristo e recebê-lo, temos o direito de nos tornar filhos de Deus (João 1:12) com todas as bênçãos associadas, incluindo uma eternidade no céu ao findar de nossa existência terrena.

Na morte, você conservará sua personalidade e receberá um novo corpo espiritual celestial que jamais adoecerá ou morrerá (1 Coríntios 15:39). Para todos aqueles que se tornam de Cristo existe a promessa de um mesmo corpo como o Dele – um corpo celestial (1 Coríntios 15:53), o tipo de corpo que pode entrar no reino de Deus e viver eternamente (1 Coríntios 15:51).

O céu não é um estado da mente, mas um lugar tangível. Paulo foi levado ao paraíso e lá ouviu palavras impossíveis de exprimir, as quais não é lícito ao homem referir (2 Coríntios 12:4). Apocalipse 21-22 nos fala de um novo céu e de uma nova terra e descreve a Cidade Santa, a nova Jerusalém, descendo do céu da parte de Deus. A cidade é quadrada, dois mil e quatrocentos quilômetros de cada lado. Suas paredes são de jaspe e puro ouro, semelhante ao vidro límpido. Os fundamentos da muralha da cidade são de pedras preciosas e as doze portas são doze pérolas, e cada uma dessas portas de uma só pérola. Não há santuário algum na Nova Jerusalém porque o seu santuário é Senhor, o Deus Todo-Poderoso, e o Cordeiro (Jesus é o Cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo (João 1:36). A cidade não precisa nem do sol, nem da lua, para lhe darem claridade, pois a glória de Deus a iluminou, e o Cordeiro é a sua lâmpada. A esta cidade os reis de toda a terra trarão glória e honra. Apenas aqueles nomes que estiverem escritos no livro da vida do Cordeiro entrarão na Nova Jerusalém. Serão excluídos os impuros e também aqueles que praticam abominação e mentira.

Um rio da água da vida, brilhante como cristal, sai do trono de Deus e do Cordeiro. No meio da sua praça, de uma e outra margem do rio, está a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês, e as folhas da árvore são para a cura dos povos. Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos O servirão, contemplarão a Sua face, e na sua fronte está o nome Dele. Então, já não haverá noite, nem precisam eles de luz de candeia, nem da luz do sol, porque o Senhor Deus brilhará sobre eles, e reinarão pelos séculos dos séculos.

A Nova Jerusalém é um reflexo do novo céu do qual ela provém. Ela é descrita com uma noiva preparada, formosamente vestida para seu esposo. Ela é o tabernáculo de Deus entre os homens e Ele habitará no meio de seu povo. O próprio Deus estará no meio dos homens. Ele enxugará toda lágrima. Não haverá mais a morte, o pranto, o choro, o lamento e a dor.

Em sua visão João descreve o que Aquele que está sentado no trono está dizendo, "Eis que faço novas todas as coisas... Tudo está feito. Eu sou o Alfa e o ômega, o Primeiro e o último, o Princípio e o Fim. Eu, a quem tem sede, darei de graça da fonte da água da vida. O vencedor herdará estas coisas, e eu lhe serei Deus, e ele me será filho. Quanto, porém, aos covardes, aos incrédulos, aos abomináveis, aos assassinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte" (Apocalipse 21:5-8).

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Sinais e Maravilhas Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Todos estamos sendo enganados pelas experiências. A moral relativista que se ensina às crianças nas escolas públicas dos Estados Unidos diz que elas devem fazer o que "acham certo" e que princípios absolutos tais como os dez mandamentos, que ensinam à criança o bem e o mal, não podem ser expostos. O argumento que se faz é que a exposição de tais mandamentos são uma interferência da igreja nos assuntos do estado. As crianças, que estão se formando e buscando estrutura e direção, são deixadas sem orientação. Assim, não é de se surpreender quando estas mesmas crianças atiram em seus inocentes colegas de escola!

Nossa fascinação crescente pelo que se "acha certo" tem nos deixado espiritualmente à deriva, incapazes de discernir o verdadeiro da imitação. Mesmo a Ciência, tão dependente do físico, se queda perplexa ao enfrentar a para-normalidade. A Ciência, diferentemente do Cristianismo, não categoriza as experiências sobrenaturais como vindas de Deus ou Lúcifer, o pai da mentira.

Paulo fala sobre o "iníquo" que virá por obra de Satanás. Ele chama este homem de "iníquo", o filho da perdição, que aparecerá durante a apostasia antes da chegada do "dia do Senhor" (2 Tessalonicenses 2: 1-12). Este homem "o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus" (2 Tessalonicenses 2:4) virá com "todo poder e sinais e prodígios da mentira" ( 2 Tessalonicenses 2:9). O Senhor o matará com o sopro de Sua boca, mas antes disso, "aqueles que perecem porque não receberam o amor da verdade a fim de que sejam salvos" serão ludibriados com extrema perversidade. Somos claramente alertados de que os sinais e maravilhas não vêm necessariamente de Deus.

Os escribas e os Fariseus pediram a Jesus por um sinal, depois de muitos milagres que Ele já tinha demonstrado, Jesus lhes respondeu, "Uma geração má e adultera pede um sinal; mas nenhum sinal lhe será dado, senão o do profeta Jonas. Porque assim como JONAS ESTEVE TRÊS DIAS E TRÊS NOITES NO VENTRE DO GRANDE PEIXE, assim o Filho do Homem estará três dias e três noites no coração da terra" (Mateus 12:39-40). Jesus estava se referindo à Sua morte e ressurreição depois de três dias.

Seu aborrecimento quando lhe pediram um sinal depois dos sinais incríveis que Ele já tinha lhes dado, deveria nos alertar para não corrermos atrás de sinais e maravilhas, testando constantemente um Deus amoroso que já manifestou a Si mesmo na História. A Igreja em nossos dias tem se infectado com o "vírus dos sinais e maravilhas", como se Deus fosse um artista de circo que fará saltos ornamentais ao nosso comando.Certamente Deus é Onipotente e tem poder de curar o doente ou de nos dar palavras de profecia, mas esperar que Ele mostre algum sinal segundo nosso querer cada vez que Lhe pedimos, é algo que revela como somos humanos carnais, pecadores, egoístas e faltos de arrependimento. Com essa atitude ultrajamos a Deus e mostramos sacrilégio.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Um Espírito de Engano Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Aqueles que persistem em que Deus realize algum sinal estão convidando para seu meio o espírito de engano. Ao transformar Deus em um gênio eles O estão limitando e, mais que isso, estão recebendo muito menos do que Ele se propôs a dar. Eles estão se relacionando com Deus de uma maneira superficial, carnal e egoísta. Ao tentar manipular as supostas "leis espirituais" de Deus para alcançar o êxito através da visualização mental vívida do objetivo desejado e através da afirmação do pensamento positivo, você está impondo sua vontade em vez da vontade de Deus para sua vida. Em essência você está praticando a bruxaria mediante o "poder da vontade," como Adolf Hitler o chamava. Você está autorizando espíritos enganosos a operarem em sua vida e finalmente destruí-lo.

Jesus nos adverte que a grande tribulação, o tempo do julgamento de Deus nos últimos dias, um tempo do qual estamos nos aproximando rapidamente, "falsos Cristos e falsos profetas se levantarão, e mostrarão sinais e maravilhas, para enganar, se possível, os próprios eleitos" (Marcos 13:22). Tanto para congregações inteiras quanto para os Cristãos de modo geral é algo bastante perigoso correr atrás de sinais e maravilhas e reunir-se em cultos de "pregadores-artistas" que supostamente fazem sinais e maravilhas. É importante perceber que indivíduos no corpo da igreja que professam seus "dons espirituais" são tão culpados quanto estes tipos de "pregadores de alto gabarito". Os estudos semanais Bíblicos onde todos professam sobre os outros são também suspeitos.

A primeira proposta da reunião Cristã é adorar a Deus e estudar a Sua Palavra. Ela deve estar focalizada em Deus e não no homem. Caso a cura, a profecia, as palavras de conhecimento, as línguas com interpretação manifestem-se de uma maneira ordenada e Deus seja o centro, então que aconteça assim, mas caso o culto gire em torno de "sinais e maravilhas", os próprios dons, e não o glorificar de Deus, nos deixarão suscetíveis ao engano. Estaremos literalmente "nos prostituindo" depois das manifestações sobrenaturais que provavelmente não vêm de Deus. C.S. Lewis descreve este termo "prostituir-se" como "luxúria pelo oculto".

Com relação aos ministérios da fé, é importante que tenhamos fé em DEUS, como Jesus nos orientou, não a fé nos homens ou fé em nossa própria fé, que no final se transforma em uma viagem de tropeços. Como um Cristão disse certa vez, "Eu sou um homem de pouca fé, mas tenho um grande Deus!" Deus pode curar. Às vezes Ele o faz e às vezes não. Ele nos ama e caso nos cure ou não, nós devemos amá-Lo. Não podemos forçá-Lo a nos curar através de "fórmulas," incluindo "fórmulas da fé".

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Bruxas, Bruxaria, o Oculto Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Nos últimos quarenta anos, tem renascido um interesse significativo sobre a bruxaria em todos os seus variados aspectos. A tendência principal tem apresentado a bruxaria como algo inocente, objeto de entretenimento tanto na literatura quanto nos filmes.

Como de costume 95% dos Cristãos falham ao usar o discernimento, cedem à manipulação da mídia e abraçam esta “pílula dourada” da bruxaria junto com uma massa enganada da população, não atentando para as muitas advertências Bíblicas de não abrir a porta a Satanás que vem como leão rugindo, buscando a quem devorar. Jesus disse a Pedro, “Simão, Simão, eis que Satanás vos reclamou para vos peneirar como trigo!” (Lucas 22:31) e é exatamente isto o que Satanás fará se não nos perguntarmos “O que Jesus faria?”, antes de ler um livro, assistir a um filme, começar um relacionamento ou tomar qualquer decisão.

A bruxaria envolve a manipulação de hostes demoníacas, através de encantamentos e palavras "mágicas". Ela também pode envolver comunicação com espíritos demoníacos representando os mortos, os chamados “espíritos familiares”. A Bíblia nos ensina claramente que os mortos não podem se comunicar com os viventes uma vez que há um grande abismo separando aqueles que se foram dos que aqui estão.(Lucas 16:26). Como entes espirituais sem corpos estes demônios possuem conhecimentos relacionados às atividades dos humanos e têm habilidade de prever o futuro.

Eis aqui algumas passagens das Escrituras relacionadas à bruxaria:

Tanto o Velho quanto o Novo Testamento trata a bruxaria como uma prática diabólica, abominável e ligada à rebelião.Não havia tolerância para aqueles que a praticavam. "A feiticeira não deixarás viver, " (Êxodo 22:18).

Moisés advertiu os filhos de Israel: "Quando entrares na terra que o SENHOR, teu Deus, te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará entre ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; nem encantador, nem necromante, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao SENHOR; e por estas abominações o SENHOR, teu Deus, os lança de diante de ti. Perfeito será para com o SENHOR, teu Deus. Porque estas nações que hás de possuir ouvem os prognosticadores e os adivinhadores; porém a ti o SENHOR, teu Deus não permitiu tal coisa" (Deuteronômio 18:9-14).

A Bíblia nos fala do malvado rei Manassés que reinou em Jerusalém durante cinqüenta anos: "Ele fez o que era mau perante o SENHOR, segundo as abominações dos gentios que o SENHOR expulsara de suas possessões de diante dos filhos de Israel". (2 Crônicas 33:2). "Queimou seus filhos como oferta no Vale de Ben Hinom, adivinhava pelas nuvens, era agoureiro, praticava feitiçarias, tratava com necromantes e feiticeiros e prosseguiu em fazer o que era mal perante os olhos do SENHOR para o provocar à ira" (2 Crônicas 33:6).

Quando Samuel reprovou o Rei Saul, ele comparou a rebelião ao pecado da feitiçaria e a arrogância como o mal da idolatria. A bruxaria inclui tanto a feitiçaria quanto a idolatria. Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e a obstinação é como a idolatria e culto a ídolos no altar. "Visto que rejeitaste a Palavra do Senhor, Ele também te rejeitará a ti, para que não sejas rei" (1 Samuel 15:23). Se Saul foi rejeitado por Deus pela rebelião e arrogância, da mesma forma uma pessoa que em nossos dias pratica ou se permite ser entretida pela bruxaria também pode sê-lo.

A Bíblia fala claramente sobre o destino daqueles que se voltam ou como C. S. Lewis intitulou que têm a "luxúria" pelo oculto: "pois, tu, SENHOR, desamparaste o teu povo, a casa de Jacó, porque os seus se encheram da corrupção do Oriente e são agoureiros como os filisteus e se associam com os filhos dos estranhos" (Isaías 2:6). "Vai, entra nas rochas e esconde-te no pó, ante o terror do SENHOR e a glória da Sua majestade. Os olhos altivos dos homens serão, abatidos, e a sua altivez será humilhada; só o SENHOR será exaltado naquele dia. Porque o dia do SENHOR dos Exércitos será contra todo soberbo e altivo e contra todo aquele que se exalta, para que seja abatido... A arrogância do homem será abatida, e a sua altivez será humilhada; só o SENHOR será exaltado naquele dia. Os ídolos serão de todo destruídos" (Isaías 2:10-18).

Paulo em Gálatas 5:19-21 refere-se à bruxaria como obra da carne. "Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções, invejas, bebedices, glutonarias e cousas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais cousas praticam". É interessante observar que a advertência de Paulo era para as igrejas da Galácia cujos membros já eram Cristãos. Eles foram advertidos que ao se entregarem a uma conduta pecaminosa não herdariam o reino de Deus. A advertência é para aqueles que receberam a Cristo. O Cristão da atualidade que se entretém ou permite que seus filhos sejam entretidos e/ou participem nas obras da carne, as quais incluem bruxaria, deve prestar atenção neste conselho.

No Cristianismo tanto a magia branca quanto a magia negra não são absolutamente aceitáveis e não existe coisa alguma como "graça barata". Cristo morreu na cruz para nos perdoar de nossos pecados, assim não há desculpa para tomar o pecado como algo simples e sem importância. A prática de qualquer tipo de pecado, incluindo a feitiçaria abre a pessoa à opressão demoníaca e a continuidade do pecado leva à possessão.

Não podemos racionalizar e dizer que uma pessoa não está envolvida em bruxaria apenas por se entreter com livros e filmes cujos personagens participam de rituais dessa prática pecaminosa ainda que os protagonistas sejam "bruxos bons".

O protagonista Harry Potter, na série de livros Bestseller e nos filmes de mesmo nome, freqüenta a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts para se tornar um mago. Harry e seus amigos têm aulas de como proferir palavras de feitiçaria, desenhos mágicos e porções, transfiguração, história da magia, teoria do encantamento etc... Eles aprendem a se tornar "bons" magos e bruxas. O mal é representado pelo "Lado Escuro", uma reminiscência do "Lado Escuro" da Força em "Guerras nas Estrelas," e incorporado (ou desincorporado e procurando se incorporar) em Voldemort, o mago malvado que matou os pais de Harry.

Harry é caracterizado como um menino comum e que é oprimido por seus tios e primo, algo similar à opressão de Cinderela em seu lar. Os membros de uma família muito normal são exageradamente opressivos.

Sob uma perspectiva Cristã o problema com Harry é que a salvação de sua situação tão desagradável vem da sua saída de casa para aprender bruxaria, uma prática condenada. As crianças interagem com os fantasmas tais como com o Friar (Frade) e o Professor Binns, um fantasma que ensina História da Magia. Ele é um mestre já bastante velho que no passado havia adormecido depois de um incêndio e na manhã seguinte fora trabalhar deixando seu corpo para trás.

O Cristianismo ensina que a bruxaria, mesmo sob uma capa de algo fascinante e açucarado, representa o mal e que a redenção vem apenas através de Jesus Cristo e certamente não do oculto. A comunicação com os mortos é na verdade comunicação com os demônios ou "anjos caídos". Proferir palavras de encantamento é algo proibido.

No Cristianismo, a salvação não vem através da bruxaria, mas pela aceitação do Filho de Deus. Bom é aquilo que vem de Deus e vem por adorá-Lo. A bruxaria "inocente" ou "mecânica" não deixa de ser bruxaria e como tal descende das trevas. Expor nossos filhos a altas doses do sobrenatural, mesmo que retratado através de atividades de personagens que fascinam, não é aceitável em hipótese alguma. O chamado encantador do oculto nos filmes e desenhos animados para crianças pode ser apelativo e fascinante. Os poltergeists, (fantasmas que produzem barulho e fazem traquinagens), espíritos, vassouras voadoras, lobisomens, vampiros, bruxas, gigantes, morcegos, duendes, gnomos, corredores assombrados podem ser cativantes, mas eles podem instilar um espírito de medo. Eles certamente podem ser "sombrios e opressivos" e expor-se a isso pode virar um vício. Este escritor antes de entregar-se a Jesus Cristo envolveu-se durante um certo tempo com sessões espíritas, quiromancia, astrologia e meditação oriental. O interesse no oculto começou com filmes noturnos de "terror" e com os livros sobrenaturais cômicos.

Á parte de uma dimensão sobrenatural das trevas existe a boa dimensão sobrenatural representada pelo Reino Celestial (Deus, Seus querubins e os demais anjos). Em geral, esta dimensão não é retratada nos desenhos animados ou livros recentes voltados para crianças. Qual a freqüência com que vemos anjos nos desenhos animados de Sábado? Os duendes no filme "Senhor dos Anéis" são tão horripilantes que atemorizam os Cavaleiros de Sauron que perseguem Frodo.

Os pais têm a responsabilidade de monitorar o que seus filhos assistem. Estudos têm mostrado que crianças e adultos que assistem a violência de uma forma regular tornam-se insensíveis a ela. O mesmo se aplica à exposição intensa ao oculto. Jesus disse, "É inevitável que venham escândalos, mas ai do homem pelo qual eles vêm! Melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse atirado no mar, do que fazer tropeçar a um destes pequeninos" (Lucas 17:1-2).

Então o que dizer do Cristão que se diverte com o oculto? Podemos tomar como analogia uma pessoa que não está envolvida em sexo imoral, mas está se entretendo com livros ou revistas de pornografia. Não existe o Cristão "voyeur". O que é pecaminoso para uma criança, é também para um adulto. Cristo não diferencia uma livraria para "adultos" nem tampouco o "adulto" voyeur. Aqueles que lidam com as trevas serão tragados por elas. Veneno é veneno. Uma pequena porção recreativa de veneno pode ser tão letal quanto uma grande quantidade de veneno nas mãos de um assassino. Não existe uma sessão espírita recreativa (sessões de canalização).

Para todos aqueles que estão envolvidos numa conduta pecaminosa, incluindo o ocultismo ou voyeurismo sexual, existe apenas um caminho para se purificar, nada menos que o sangue de Jesus que expia os nossos pecados. Tanto os que não são Cristãos quanto os que são precisam se arrepender de seus pecados e pedir a Deus para lhes perdoar. Aquele que ainda não é Cristão precisa convidar Jesus para dirigir sua vida através de uma oração bem simples ("Jesus eu aceito seu sacrifício por mim na cruz. Perdoe meus pecados. Por favor, entre em minha vida e tome o controle. Ajude-me a caminhar na luz").

Aprenda uma lição com feiticeiros e bruxos que conheceram Jesus em atos 19.19, "Também muitos dos que haviam praticado artes mágicas, reunindo os seus livros, os queimaram diante de todos. Calculados os seus preços, achou-se que montavam a cinqüenta mil denários." Todos os objetos da prática do ocultismo devem ser destruídos uma vez que eles são janelas ou "veículos" para a opressão. Eles são literalmente imãs, que atraem as hostes demoníacas.

Deus não é um Deus malvado. Ele não é vingativo, mas na Bíblia Ele nos dá um manual de mecânica para nosso bem estar. Se nós insistirmos em colocar limonada em nosso motor em vez de óleo, certamente o fundiremos. Se não obedecermos às advertências de Deus contra a bruxaria, conduta sexual e promiscuidade, ira, inveja e abuso de substâncias, nós destruiremos nossos corpos e condenaremos nossas almas por toda a eternidade. Você pode até não crer em Deus, mas a violação de Seus princípios trará indubitavelmente a destruição. A bruxaria pode ser bastante atraente e confortadora. Pode lhe dar sucesso e poder, além de "uma certa sensação de cobertura". Ainda assim ela representa o mal e o perigo, exatamente como a serpente o era para Adão e Eva no Jardim do Éden.

Para aqueles que têm tido um envolvimento muito intenso com o ocultismo incluindo a prática efetiva da bruxaria, é aconselhável procurar o conselho de um pastor de uma igreja centrada em Cristo e no Espírito Santo e envolvida no ministério de libertação. Tenha em mente que você tem o poder sobre todos os principados demoníacos no nome de Jesus uma vez que aceitou Cristo como seu Salvador Pessoal e está coberto pelo Seu sangue (" Senhor, os próprios demônios se nos submetem pelo Seu nome" Lucas 10:17).

Nos anos 50 a Ciência tomou o lugar de Deus. Houve uma fome espiritual, que buscou expressão na contra-cultura dos anos 60 e 70 através das drogas, religiões orientais e promiscuidade sexual. Isto levou ao materialismo e ao culto do eu nos anos 80 e 90. Nenhuma dessas substituições pode saciar a fome espiritual do homem. A ausência de Deus somente pode ser preenchida com a presença Dele e, certamente, não por algo artificial e enganoso como a bruxaria. A bruxaria é como o sexo ilícito, pode oferecer emoções e prazer por um tempo, mas só um relacionamento pessoal com o Deus do Universo através de seu Filho Jesus Cristo, trará verdadeira satisfação, alegria e vida eterna.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Controle Demoníaco dos Santos Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Esta sessão examinará se aqueles que têm uma experiência de salvação verdadeira podem ficar possessos.

O Espírito Santo que habita naquele que crê em Jesus é o poder de Deus. Ele é "maior" do que Satanás e suas hostes que estão "no mundo".

1 João 4:4 nos diz: "Maior é Aquele que está em vós do que aquele que está no mundo."

"O qual exerceu Ele em Cristo, ressuscitando-O dentre os mortos e fazendo-O sentar à Sua direita nos lugares celestiais; acima de todo principado, e potestade e poder, e domínio, e de todo nome que se possa referir não só no presente século, mas também no vindouro. E pôs todas as coisas debaixo dos pés e, para ser o cabeça sobre todas as cousas, O deu à igreja, a qual é o Seu corpo, a plenitude daquele que a tudo enche em todas as cousas" (Efésios 1:20-23).

"Em Cristo, o crente é regenerado (João 3:3,5), justificado (Romanos 5:1), batizado pelo Espírito em união com Seu Senhor (1 Coríntios 12:13; Romanos 6:3-4), habitado pelo Espírito eternamente (1 Coríntios 6:19-20), selado pelo Espírito até o dia da redenção (Efésios 4:30), e corporalmente cheio da plenitude de Cristo (Colossenses 2:9-10). Todas estas promessas nos garantem que aqueles que Cristo redimiu não podem jamais ser roubados de Cristo por Satanás e seus demônios."

Apesar disso, "um demônio pode tomar o controle do corpo de um Cristão como um intruso quando a morada do Espírito Santo é seriamente molestada pelo pecado ou extinguida por uma série de desobediências ou clara rebelião contra a vontade de Deus. Certamente ao permitir a abominação do pecado, ao ceder ao ocultismo ou render-se a alguma outra transgressão, um crente limita a proteção que é sua em Cristo Jesus".

"A situação pode ser comparada ao homem que possui uma casa. Se ele a controlar completamente e a ocupar, ninguém, é claro, poderá se mudar para ela sem sua aprovação. Mas se ele não ocupar todos os cômodos e for negligente no que diz respeito àqueles que a visitam e por quanto tempo permanecem, logo poderá se ver com um morador ilegal ou mesmo dois muito difíceis de se livrar. De fato, pode ser impossível expulsá-los a não ser que seja pela força física ou pela lei" (Unger, Merrill, "What Demons Can Do To Saints" – O que os demônios podem fazer aos santos. Chicago: Moody Press, 1991).

Paulo declara em 1 Coríntios 5:5 com relação ao atrevimento de um homem em possuir a mulher de seu próprio pai: "Entregue a esse infame a Satanás para a destruição da carne, a fim de que o espírito seja salvo no Dia do Senhor Jesus". Aqui nós estamos lidando com um santo pecador que é entregue a Satanás que tem "o poder da morte" (Hebreus 2:14). Satanás pode matar o corpo físico deste pecador Cristão, contudo seu espírito está salvo! Satanás não pode infligir morte espiritual sobre o crente que possui vida espiritual, pois apenas Deus tem o poder para "fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo" (Mateus 10:28). 1 João 5:16b afirma: "Há pecado para a morte, e por esse não digo que rogue."

É interessante observar que em 1 João 5:18 o profeta afirma: "sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive em pecado; antes, Aquele que nasceu de Deus o guarda, e o Maligno não lhe toca". As estatísticas nos Estados Unidos mostram que os Cristãos são tão propensos à imoralidade sexual e à escravidão através da pornografia quanto os não Cristãos.

Sem entrar na questão sobre em que ponto um Cristão ganha a salvação, podemos concluir desse versículo que se alguém peca, incluindo um crente, o mal pode "tocá-lo". Podemos acrescentar que todos somos salvos pela graça, a graça de Deus que levou nossos pecados ao encarnar-se como um homem para morrer na cruz e pagar o castigo substitutivo por todos os pecados, e se não fosse por essa graça representada pelo sangue de Jesus nós, incluindo o evangelista mais piedoso, seríamos condenados a uma eternidade sem Deus. Em nossa própria carne e espírito todos carecemos da glória de Deus. Esta é a razão pela qual precisamos do redentor Jesus Cristo, que é a "imagem do Deus invisível" (Col. 1:15). Como Jesus disse em João 10:30 "Eu e o Pai somos um," e em João 8:58 "antes que Abraão existisse, EU SOU."

Em seu livro Victory in Christ ( Vitória em Cristo) Charles Trumbull afirma, "Não pense que estou sugerindo qualquer teoria equivocada ou desequilibrada do tipo, quando um homem recebe a Cristo como a plenitude de sua vida, não pode pecar novamente. A ‘vida que está em Cristo’ ainda possui seu livre arbítrio; com este livre arbítrio podemos resistir a Cristo; e a minha vida, em virtude da nova experiência de que falo (a plena consciência de que fui crucificado com Cristo, e não sou eu mais quem vive, mas Cristo vive em mim"), tem registrado pecados de tal resistência. Mas aprendi que a restauração depois do fracasso pode ser sobrenaturalmente abençoada, instantânea e completa. Aprendi que, quando confio em Cristo e renuncio, não é preciso lutar contra o pecado, mas o que ocorre é uma completa liberdade de poder e do desejo de pecar. Aprendi que esta liberdade, mais que vitoriosa, mantém-se ininterrupta quando simplesmente reconheço que Cristo é quem me purifica e reina em minha vida".

Que Satanás pode execer sua influência sobre os crentes isto está ilustrado em Lucas 22:31: "Simão, Simão, eis que Satanás vos reclamou para vos peneirar como trigo". Lucas 22:24 relata uma disputa entre os apóstolos "sobre qual deles parecia ser o maior". Talvez esta disputa tenha sido resultado do pecado do orgulho o que deu a Satanás o direito de fazer tal requerimento. Jesus continua, "Eu, porém, roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; tu, pois, quando te converteres, fortalece teus irmãos."

Satanás fez algo parecido perguntando a Deus em relação a Jó, "Acaso não o cercaste com sebe, a ele, a sua casa e a tudo quanto tem? A obra de suas mãos abençoaste, e os teus bens se multiplicaram na terra. Estende, porém, a Tua mão, e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra Ti na Tua face." (Jó 1:10-11). O Senhor disse a Satanás, "Eis que tudo quanto ele tem está em teu poder; somente contra ele não estendas a tua mão". Isto não foi um tormento brando. Uma das aflições foi um grande vento, que veio do deserto e destruiu a casa do filho mais velho de Jó, matando todos os seus filhos e filhas que o visitavam.

Pedro nos adverte, "Sede sóbrios e vigilantes. O diabo vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar" (1 Pedro 5:8). Pedro está se dirigindo aos crentes, à igreja, incluindo "pastores do rebanho de Deus", e presbíteros (1Pedro 5:1-3). Ser devorado por um leão significa ser preso pelas garras da fera, ser despedaçado, mastigado, digerido e excretado. É um procedimento cruel e implacável onde alguém é colocado sob o domínio e controle de um leão e destruído de forma dolorosa. Falando sobre Satanás Jesus disse, "Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira" (João 8:44).

Conclusão:
Um Cristão, uma vez genuinamente salvo e com sincero arrependimento, não pode perder sua salvação, mas este Cristão pode experimentar ataques demoníacos, aflições e, se ele se aparta de Cristo e cai no pecado (quer seja através da ira, ciúme, cobiça, luxúria, envolvimento com o oculto, exposição à violência, drogas, alcoolismo, ganância, filmes e livros e músicas sensuais) pode experimentar vários graus de influências mentais demoníacas, resultando num “obscurecimento”. Mesmo não sendo uma possessão total, isto representa uma ocupação parcial. Nossos corpos são templo do Espírito Santo e temos o livre arbítrio em Deus. Este "obscurecimento" nos conduzirá ainda mais para dentro do pecado até uma total destruição física.

Aqueles que aceitam Jesus e passam por uma experiência genuína de salvação são habitados pelo Espírito Santo. Apesar disso, podemos logo em seguida cair e ceder o território de nossas mentes e corpos ao pecado, abrindo uma porta à entrada demoníaca e à servidão. Temos a escolha de retornarmos à miséria de onde fomos resgatados ou cair nela novamente e espojar-nos em sua imundícia. Fazer isso abre as portas aos espíritos demoníacos que, de acordo com a afirmação de Unger "pode ser impossível expulsá-los a não ser que seja pela força física ou pela lei".

Quando um pecador vem a Cristo através de um sincero arrependimento, o Espírito Santo, o Confortador, entra e limpa a casa. Na maioria das vezes isto é tão imediato quanto a luz não pode coexistir com as trevas. Em alguns casos o processo leva mais tempo. A casa é limpa. Entretanto, a luz pode ser extinta pelas trevas se o combustível acaba. Como Jesus disse sobre os demônios, uma vez lançados fora, retornarão com muito mais força se lhes for permitido. Os Cristãos que persistem em pecar separam-se da fonte do verdadeiro poder espiritual e acabam morrendo em seu próprio pecado. Apesar disso, tendo tido um arrependimento sincero eles são salvos pela graça de Deus. Somente Deus pode julgar quem está genuinamente salvo e os que pensam que estão, mas levam uma vida pecaminosa. A árvore é julgada pelo fruto que ela produz e se o fruto é de todo mau, tal árvore será cortada e queimada.

Jesus passou um terço de seu ministério libertando as pessoas da escravidão demoníaca. A libertação é um ministério difícil e sério. Falando a respeito disso, uma recente loucura carismática, a “coqueluche de demônios”, parece ter paralisado a Igreja. Dizer que Cristãos desviados não podem ficar endemoniados é uma ingenuidade, e não tratar o problema fere a Igreja. A possessão é um caso extremo de estar endemoniado. Um Cristão desviado pode cair em extrema maldade? A resposta é sim, uma vez que Deus nos garantiu o livre arbítrio. A conclusão lógica, então, é que tal pessoa pode ser escravizada e possuída pelo pecado. As boas novas para aqueles que querem é que a libertação está sempre disponível no nome e pelo poder do sangue de Jesus.

1) Lucas 13:10 "Ora, ensinava Jesus no Sábado numa das sinagogas. E veio ali uma mulher possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; andava ela encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se."

Vendo-a Jesus, chamou-a e disse-lhe, "Mulher, estás livre da tua enfermidade".

Em Lucas 13:16 Jesus chama a mulher de "esta filha de Abraão", uma mulher crente em Deus, mulher de fé com um problema espiritual.

Preste atenção que esta mulher não se encontrava livre da ação demoníaca mesmo estando dentro de uma sinagoga. Nem as paredes de uma igreja nem de uma sinagoga podem dar proteção de uma influência demoníaca. Se paredes rebocadas não o protegem de tais influências ou ataques, por que o faria uma fina camada de pele?

O mundo espiritual não está sujeito a tais barreiras, nem está limitado pelas leis da física. Com toda a certeza este fato ocorreu antes da cruz e antes que aqui estivesse o Espírito Santo, mas é uma indicação de que os que crêem podem estar sujeitos à ação dos demônios.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

O Cristianismo e a Ioga Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

A ioga está espalhada. Ela pode ser encontrada tanto no oriente quanto no ocidente. Aulas de ioga são oferecidas na América Central, Rússia, Austrália, etc... Panfletos sobre esta prática estão nos painéis de informações das universidades, em lojas de comida natural, nos elevadores de prédios altos no centro da cidade de Los Angeles e até fazem parte de alguns programas de educação física da YMCA (Associação Cristã de Moços). Será que a ioga é apenas um exercício físico?

Com referência à ioga asanas ou posturas físicas Swami Vivekananda escreve em seu livro Raja Yoga: "Uma série de exercícios físicos e mentais, deve ser feita freqüentemente todos os dias até que estágios mais altos possam ser alcançados. As correntes de energia devem ser liberadas e um novo canal deverá se abrir. Novos tipos de vibrações começarão: a natureza corpórea será remodelada por completo, como o era".

Alain Danielou, um erudito francês em ioga, escreve em sua obra The Method of Re-Intergation (O Método de Re-integração) que o verdadeiro significado da ioga é que ela atua "como um processo de controle do corpo bruto objetivando a liberação do corpo sutil." O corpo sutil é descrito como extremamente complexo e consistindo de 72.000 canais sensitivos invisíveis chamados nadis que se comunicam com o corpo físico. O corpo bruto e o sutil estão conectados por sete pontos primários ou chakras que se estendem do alto da cabeça até a base da espinha.

Acredita-se que os chakras controlam a consciência de um indivíduo. Ao manipular a espinha através de várias posições da ioga, a energia que flui do corpo sutil aumenta e conseqüentemente provoca uma alteração na consciência da pessoa. A ioga Kundalini e a ioga Hatha manipulam diretamente os chakras através das suas posições e dos exercícios de respiração.

Dentro deste tipo de relacionamento em que a mente é superior ao corpo a ioga mantra procura alterar a consciência de uma pessoa através da repetição de mantras, os quais o Guru Dev, o guru de Maharishi Mahesh Yogi, considera os "nomes favoritos dos deuses". Os mantras são repetidos silenciosamente ou de forma audível por várias horas e produzem alteração do estado de consciência.

A ioga tem uma ligação muito estreita com as religiões orientais metafísicas e não é uma forma inocente de relaxar o corpo e a mente. Seu objetivo é o mesmo do hinduismo, ou seja, tomar consciência de que a pessoa é Brama, o subjacente e impessoal Deus do Universo no hinduismo. De acordo coma obra Psychic Forces and Occult Shock – Força Psíquicas e o Impacto do Oculto (Wilson e Weldon): "Os exercícios físicos da ioga são designados para preparar o corpo para uma mudança psicoespiritual vital e para inculcar esta idéia (a percepção de que a pessoa é Brama) dentro da consciência e ser do indivíduo. Por essa razão falar em separar a prática da ioga da teoria é algo sem sentido. Sob uma perspectiva Cristã, se ambas podem ser separadas é duvidoso. Dizer: ‘eu faço ioga, mas o hinduismo não está no meio disso,’ é uma afirmativa incorreta".

Uma publicação “Projeto de Simulações Espirituais” (A Spiritual Counterfeits Project -Berkeley, California) sobre "ioga" afirma: "Por enquanto torna-se mais conveniente aceitar a concepção secular para estabelecer apenas o aspecto selecionado (o físico) da ioga, o qual se ajusta à noção burguesa do que se espera que a ioga faça (por exemplo, tornar um corpo bonito). Todavia, o fato ainda permanece o mesmo: a ioga física está inextricavelmente atada às religiões orientais metafísicas. De fato, podemos dizer de maneira precisa que a ioga física e a metafísica hindu são mutuamente interdependentes; na realidade, você não pode ter uma sem a outra."

Na tradição Shankara, que impregna a maioria do hinduismo contemporâneo, a gota de chuva é retratada como o símbolo do eu e o oceano é o símbolo da alma universal. (J.Isamu Yamamoto, SCP Newsletter). "A absorção da gota de chuva dentro do oceano é a absorção simbólica da pessoa dentro do universo impessoal. Logo que a pessoa alcança a iluminação, ela perde a identidade própria e torna-se uma com o todo. A absorção é o objetivo do hindu monista" (J.Isamu Yamamoto, SCP Newsletter , March-April 1983).

"A chama da vela é uma imagem budista do eu; ela é a luz da vida que tremula na escuridão do sofrimento. A busca de cada budista ardente é extinguir a própria chama. Eles não procuram apenas uma morte física, mas uma morte que os irá libertar tanto da vida física quanto da espiritual. A extinção é a meta do budista tradicional" (J. Isamu Yamamoto, SCP Newsletter , op.cit.).

Para este autor mais persuasivo do que qualquer autoridade é sua experiência pessoal na ioga mantra, na ioga hatha e na ioga kundalini. Definitivamente a ioga produz estados alterados de consciência. Entretanto, estes estados de consciência inicialmente anestesiantes tornam-se uma prática constante da ioga mostrando-se de caráter opressivo, resultando numa dissociação do mundo externo. As entradas sensoriais são acentuadas e produzem uma reação exagerada ao estímulo interno desencadeando uma forte ansiedade. Nos cursos de meditação osana o autor experimentou vários desmaios durante as sessões do mantra, desmaios que duravam cerca de uma hora e meia. Não há lembranças do que aconteceu durante esse período de tempo em que ficou inconsciente.

Lidar com estes estados alterados de consciência produziram no autor uma tensão crescente tornando-o irritado com coisas mínimas tais como (o bater de uma porta, o barulho de um avião e o tráfego). De várias maneiras a experiência da meditação/ioga é a clássica experiência do sofrimento e da ansiedade tão bem documentada pela doutora australiana Claire weeks em sua obra clássica Hope and Help For Your Nerves (Esperança e Ajuda Para Seus Nervos), que também oferece o melhor tratamento não clínico para curar o sofrimento e a ansiedade os quais têm como sintomas, por exemplo, os ataques de pânico.

A meditação e a ioga em muitos casos levam ao sofrimento e à ansiedade. Esta experiência do autor é que as técnicas resultam em sentimentos irreais, de desintegração da personalidade e de depressão. Este autor está convicto de que muitos dos chamados "estados avançados de consciência" não são mais do que resultado de uma exacerbada sensibilização, um estado em que nossos nervos reagem de uma forma exagerada ao stress induzidos pelas técnicas da ioga/meditação, produzindo uma irrealidade sensorial difusa parecida àquela induzida pelas drogas que alteram a consciência.

A ioga é comercializada sob o aspecto de uma técnica saudável e inocente, mas ela está longe disso. H.Rieker adverte: "A ioga não é nenhum jogo insignificante se consideramos que qualquer equívoco na prática da ioga pode levar à morte ou à loucura", e que se a respiração é "prematuramente acabada, há o perigo imediato de morte para o iogui" (Rieker, The Yoga of Light – A Ioga de Luz (Los Angeles: Dawn House) 1974, p. 135). Desmaios, estados estranhos de transe ou loucura estão listados como "os erros mais elementares..." da prática da ioga. O livro "Ioga e Misticismo" de Swami Prabhavananda lista como perigos potenciais à má prática da ioga os danos cerebrais, as doenças incuráveis e a loucura.

Se alguém estiver passando por uma situação de stress e precisar relaxar, existem muitas maneiras de fazê-lo: sair para uma caminhada, ver uma exposição de quadros, praticar esportes, jantar fora ou tirar férias. Para fortalecer o corpo você pode levantar pesos, correr, nadar etc... no lugar de praticar as posições da ioga.

No livro Psychic Forces and Occult Shock ("Forças Psíquicas e o Impacto do Oculto"), Wilson e Weldon afirmam, "A ioga é na verdade puro ocultismo, tal como numerosos textos o comprovam (R.S Mishra's Yoga Sutras and Fundamentals of Yoga , J. Brennan's Astral Doorways and H. Chaudhuri's Philosophy of Meditation ). As forças do oculto são muito comuns com a prática da ioga, e os numerosos perigos do ocultismo estão evidentes em muitos estudos (Indica-se como referência a obra de K. Koch Christian Counseling and Occultism –" Aconselhamento Cristão e Ocultismo") Mishra, um erudito em ioga e autoridade em sânscrito, afirma: 'Por fim, deve se dizer que por detrás de cada investigação psíquica, detrás do misticismo, ocultismo, etc., estando ciente ou não, o sistema da ioga está presente. (Mishra, op.cit.)'" Kurt Koch em seus vários livros também correlaciona as influências do oculto com as experiências subsequentes da ansiedade e da depressão que levam algumas vezes ao suicídio.

A Bíblia nos informa que Deus criou Adão do pó da terra e soprou dentro de suas narinas o fôlego de vida (Gênesis 2:7). O homem é um ser criado e separado. Ele pode ter um relacionamento com o Deus Vivo ao aceitar Seu Filho, a encarnação física de Deus, Jesus Cristo. A Bíblia não ensina que através da ioga o homem pode alcançar níveis mais altos de consciência de tal maneira que ele descobrirá que é um com Deus e se fundirá com Brama como o ensina o hinduismo. Ela também não diz que a personalidade do homem pode ser extinta da mesma forma que uma chama o é como o budismo ensina. A Bíblia não menciona ou reconhece a ioga ou qualquer outro sistema onde o homem pode se tornar um com Deus.

Deus está muito acima do homem e o homem não pode chegar até Deus através de suas próprias ações. Por causa do pecado original de Adão e Eva o homem está fatalmente ferido de morte. Ele foi nascido do pecado. Mas Deus o amou de tal maneira que elaborou um plano de redenção. Ele Mesmo se tornou homem (João 1:14) para prover o sacrifício perfeito para limpar o pecado do homem. O sacrifício perfeito tinha que ser o Próprio Deus uma vez que apenas Ele é sem pecado. Aceitar a provisão de Deus para o pecado, Seu Filho, dá ao homem uma vida eterna na presença de Deus. O corpo terreno se acaba e é substituído por um corpo eterno no momento da morte. O homem não se torna Deus nem se funde com Ele. A salvação é um dom gratuito dado pela graça e, não alguma coisa pela qual o homem tem que trabalhar.

Tanto o hinduismo quanto o budismo crêem na reencarnação, a transmigração de almas de um corpo para um outro através do tempo. Uma pessoa se reencarna para superar o karma de uma outra ou o apego ao mundo material e seus padrões recorrentes que prendem um indivíduo ao mundo material. Somente elevando a consciência do indivíduo através da ioga e rompendo o "véu da ilusão," que é o mundo material, uma pessoa pode transcender e fundir-se com Brama ou extinguir sua chama e alcançar o Nirvana.

A Bíblia ensina que aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo (Hebreus 9:27). Para aqueles que aceitaram Jesus Cristo não há julgamento a decisão de passar a eternidade com a fonte de toda a bondade, regozijo e pureza, o Deus pessoal do Universo, já foi tomada. Para aqueles que nunca conheceram Cristo, Deus julgará com absoluta justiça, mas para os que rejeitaram Cristo, a eternidade será em lugar horrível onde não existe Deus, um lugar ao qual Jesus, mais do que ninguém, referiu-se na Bíblia como um lugar de eterna agonia... o inferno (Marcos 9:48).

A ioga não é uma panacéia, ela é um sistema onde o homem tenta se esforçar para alcançar a Deus. Ela não é necessária e todas as obras do homem não são coisa alguma senão trapos sujos ante à justiça de Deus. Por que desperdiçar a vida numa escravidão, perseguindo uma miragem, passando incontáveis horas fazendo exercícios de ioga e meditando, esperando desprender-se de samsara, a roda da reencarnação. O homem jamais poderá ser Deus. Por causa do pecado de Adão o homem morre. Que homem mortal pode se comparar a um anjo de Deus? Daniel viu o anjo Gabriel e aqui temos sua descrição fascinante:

" E levantei os meus olhos, e olhei, e eis um homem vestido de linho, e os seus lombos cingidos com ouro fino de Ufaz;
E o seu corpo era como berilo, e o seu rosto parecia um relâmpago, e os seus olhos como tochas de fogo, e os seus braços e os seus pés brilhavam como bronze polido; e a voz das suas palavras era como a voz de uma multidão.
E só eu, Daniel, tive aquela visão. Os homens que estavam comigo não a viram; contudo caiu sobre eles um grande temor, e fugiram, escondendo-se.
Fiquei, pois, eu só, a contemplar esta grande visão, e não ficou força em mim; transmudou-se o meu semblante em corrupção, e não tive força alguma.(Daniel 10: 5-8)".

O homem não tem que se tornar Deus. O Senhor estende Sua mão (Apocalipse 3:20) e tudo o que você tem a fazer é pegá-la e fazer uma decisão consciente ao aceitar Jesus Cristo. Com palavras simples, peça-Lhe em humildade para tomar o controle de sua vida. Então o Espírito Santo fará morada em seu coração e você terá paz, alegria e segurança. Só assim você se desprenderá de seu velho casulo e experimentará a metamorfose de Deus.
Decoração do Coração de Sacared e o sangue de Jesus Cristo,filho do deus.Prosiga abaixo ao assunto seguinte Cristãos:

Divisor da página para a página sobre Deus Jesus Cristo,Bruxas,Bruxaria,Satanás,Maus Espíritos,Cultos,Oculto,Misticismo da Nova Era,A Ioga.
Coração Sacred de Jesus;decoração;vá a Página Anterior.
Coração Sacred de Jesus;decoração;vá a Próxima Página.

 
Copyright © 2017
Todos os direitos reservados
Reap the Harvest.







.Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

Sumário Conclusão Palavras: esoterismo esotérica esoterica esotérico esotéricas Guia do plano de Deus para a sua salvação através de Jesus Cristo e como evitar bruxas,bruxaria,Satanás, maus espíritos,o oculto,O Misticismo da Nova Era, a ioga,o mito da ioga centrada no Cristianismo,a corrupção dentro da Igreja Cristã. Satanás,o espírito maligno que tentará desviá-lo do Cristianismo,do plano de Deus para sua salvação e planeja confundi-lo com a Nova Era. As verdades Bíblicas sobre as bruxas,bruxaria,cultos,magia,feitiçaria,maus espíritos,demônios,Satanás e o mal.As visões do Cristianismo sobre bruxaria,bruxas,ioga,a ioga centrada no Cristianismo e o plano de Deus para sua salvação. bruxaria e ocultismo deuses bruxaria bruxaria pratica bruxaria para o amor encantamento crente quais os efeitos de feitiçaria bruxaria sobre o corpo e o espirito ligacao das drogas com o ocultismo bruxaria para destruição dos inimigos baixar livros de bruxaria como livrar de bruxaria cânticos de bruxaria pecado da feitiçaria ansiedade e espiritismo bruxaria para destruir alguem verdades de uma vida de bruxaria jogos gratuito bruxaria existe escolas de magia velas atraem espiritos feitiço existe na biblia passagens estudos biblicos de moody mensagens biblicas sobre libertação atraves de la biblia kundalini ioga posições de yoga ioga asanas yoga na biblia ioga portugues yoga e outros sofrimento cristianismo santos de crença avarezas metodo esoterismo esotérica esoterica esotérico esotéricas ideal para limpar a sua casa óleo pega mulher magia natural disse jesus nunca mais haverá maldição panfletos para aceitar jesus profetas do mundo sinal para crermos em deus espiritismo cristianismo versus espiritismo oraçao poderosa para alcançar algo impossivel joao de deus pode curar doenças mentais quero ouvir voz satanas e o espiritismo perguntas para lucifer deus e o sexo cristao e a pornografia comentário ao profeta jonas sintomas de duendes sintomas de bruxaria indicação para as pessoas que estão nas drogas perante a palavra de deus a televisão e sua influencia no meio cristao relacionamento do rei saul com deus bruxaria de para da sobre ioga deus magia do estudos cristianismo biblicos que como yoga biblia bruxas os animados no espiritos jesus com plano salvação nova na negra feitiçaria dos em up as fazer ocultismo harry potter crianças crente era ao significado poder pode espirito libertação misticismo oculto amor nos espiritual cristo demoniacos oração livro se palavras bruxos filmes contra satanas pessoa baixar santo demonios exercicios homem curar influencia sexual sexo livros morte sintomas sinais sua afastar qual endemoniado atraves misticas cristão alguem drogas pecado vida magos outros corpo bíblicos duendes separar senhor ump anjos pesquisa luz nietzche tudo cura palavra lewis mal vezes igreja pai mantras poderosas aprender cristã salvacao espiritismo sangue biblicas verdade mentira filme familiares bíblia quantas pessoas budismo vampiros ansiedade ficar kundalini ou mantra meditação mente coisas pedras dias magicas nas casa demônios caminho quem lucas nome inferno igrejas verdades gnomos altar cristãos seitas lucifer por demoniaca cultos fantasmas quero feitiçarias diabo cristao visão tirar posições experiencias doze paradigma conceitos opositores aconselhamento crentes versus lobisomens seu encantamento quais eu mau tipos existe satanás dinheiro asanas mensagens saus carne ouvir hinduismo branca destruir nomes saul incerteza jesucristo espíritos tradicional chakras espirituais sobrenaturais au espaguete pratica anos guru terror mulher posicoes jogos ensina sedução praticar limpar demonio segundo relacionado espiritas gurus salvador boa obras eva oriental gratuito opressão rei filhos perder endemoniados ser moody perante sesenho trono poderosa maus possessão maligno posturas escola vivo pornografia fala and mais principado engano crenças perigos libertação perigo respostas dons sao principios raja estados pastores salvação trevas novas rituais dia cristaos aparecem eis sensuais profecias en suicido amaldiçoados alicerce jerusalém midia bem fruto assistir par ministerio busca karma vela santos salomao aprenda perde levar promiscuidade envolvimento profeta idolatria aos escolas hatha versiculo casos filho hogwarts libertar bíblicas xamanisno mágicas ele excluidos somos deuses incluidos iniciação mentais todas aneis inveja crista cursos posições alcançar encantamentos torno zen história hebreus demoníacas sobrenatural seus pecados tensão faz mundo esta aprendendo puro demoníacos onde oracao simbolo la diz crianças conferencia simples lúcifer sentir adorar super cs praticando poderosos praticas alguém abrir crer te alma teologia filosofia dar serpente últimos filha enfermos transfiguração site portas depressão verdadeira principles terra romanos joao cabeça koch ama transcender foram pt historia recreativa entregar entegar marcos israel samuel prazeres amour maneira visualização magias lascivia anjo morrer estudo sofrimento criação dor demoniaco consciencia santuario fez moises positivo ciume ete arvore experiências cada pergunta metafísicas mahesh saber aborrece apologia tire esperança algo pensam personagens melhor lo demoníacas antes cristãs junto versículos ha entrada nossa 60 nossa direitos obra tabernaculo criancas correto lar espíritas livre mesmo demoniacas foi universal graca toda posso maravihas versiculos através bertrand adelaide formulas maconha astral revela afirmações maconha fazem invejas inimigos nosso lidando ideal fasendo criaturas seres ataques almas quiromancia unidos prosperar personalidade luxuria jardim celestial sanscrito alto errado quanto depressao jonas manso enganar natural livrar possessao grande pele kurt principados universo obter comprova fe mostre menino fofo oriente cristos feiticaria hora demons assombrados certeza guarda pela alguma sinal salvo veneno portuguese quadros homens nirvana panfletos jerusalem divina seita deserto vindo tocadas possuida elementares estudando pensamento iogui primeiro orsto todo potestade mandamentos verdaderio frutos estranhos formigueiro morcegos jogo liberdade culto familia primo amou desviado encarnado trindade fortalecer leis mestre vampiro doze paradigma conceitos opositores aconselhamento crentes versus lobisomens seu encantamento quais eu mau tipos existe satanás dinheiro asanas mensagens saus carne ouvir hinduismo branca destruir nomes saul incerteza jesucristo espíritos tradicional chakras espirituais sobrenaturais au espaguete pratica anos guru terror mulher posicoes jogos ensina sedução praticar limpar demonio segundo relacionado espiritas gurus salvador boa obras eva oriental gratuito opressão rei filhos perder endemoniados ser moody esoterismo esotérica esoterica esotérico esotéricas perante sesenho trono poderosa maus possessão maligno posturas escola vivo pornografia fala and mais principado engano crenças perigos libertação perigo respostas dons sao outros corpo bíblicos duendes separar senhor ump anjos pesquisa luz nietzche tudo cura palavra lewis mal vezes igreja pai mantras poderosas aprender cristã salvacao espiritismo sangue biblicas verdade mentira filme familiares bíblia quantas pessoas budismo vampiros ansiedade ficar kundalini ou mantra meditação mente coisas pedras dias magicas nas casa demônios caminho quem lucas nome inferno igrejas verdades gnomos altar cristãos seitas lucifer por demoniaca cultos fantasmas quero feitiçarias diabo cristao visão tirar posições experiencias magos vida pecado grogas alguem cristão misticas atraves endemoniado qual afastar sinais sintomas morte livros sexo sexual influencia curar homen exercicios demonios santo baixar pessoa satanas contra filmes bruxos palavras se livro oração demoniacos cristo espiritual nos amor oculto misticismo pode poder significado ao era crente harry potter crianças ocultismo fazer as up em dos feitiçaria negra na nova com hesus espiritos no animados os bruxas biblia yoga como que biblicos cristiaismo estudos do magia deus ioga sobre da para de bruxaria esoterismo esotérica esoterica esotérico esotéricas.

Coração Sacred de Jesus;decoração;Retorno ao topo.

ABD Website Design Company, Search Engine Optimization Specialist.